23 de fev de 2009

Você sabia?

Inspirada num assunto delicado

Sem a intenção de polemizar, apenas compartilhando conhecimento para a reflexão, decidi usar esse espaço para dividir algumas questões que têm me angustiado para, talvez, conseguir chegar a algumas respostas...
Sempre fui contestadora, sempre quis saber o porquê das coisas até encontrar uma resposta que me satisfizesse, mas, há uns 3 meses, um querido amigo me enviou um vídeo chamado Zeitgeist - pronuncia-se "tzait.gaisst" e é um termo alemão cuja tradução significa "espírito de época ou espírito do tempo" - que é um vídeo amador, caseiro, dividido em três partes, baseado em teorias, tipo "Teoria da Conspiração" e que me tem feito refletir demais, sem chegar a nenhuma conclusão.

Pois bem, minha grande angústia é quanto à primeira parte desse vídeo, que colocou em xeque uma das poucas certezas absolutas que eu tenho na vida: Jesus. Não, não se espantem. Em momento algum duvidei da existência de Jesus, mas, passei a contestar algumas particularidades que a Bíblia nos traz sobre a vida Dele.
Os que se interessarem pelo assunto e queiram entender melhor do que estou falando, assistam o vídeo. Esse link, que disponibilizei acima, é uma versão com legendas em português.
Para resumir, o vídeo afirma que, vários fatos apresentados na Bíblia sobre a vida de Jesus, são idênticos a fatos da vida de um deus egípcio, Hórus, nascido de uma virgem e que teve 12 discípulos muitos, muitos anos antes de Cristo. Há inúmeros outros dados que não cabem comentar agora, mas, na verdade, o que me levou a escrever sobre essa questão hoje, foi um dado que só tive conhecimento ontem, assistindo ao Discovery Civilization.

Você sabia que, assim como os faraós egípcios, todos os Papas católicos foram embalsamados e mumificados para aguardarem a ressureição no Dia do Juízo Final?

Inclusive, quando João Paulo II sofreu o atentado em 1981, na cirurgia para retirada da bala, um pedaço do intestino do Papa precisou ser retirado, mas, esse pedaço de intestino foi embalsamado, mumificado e enterrado junto com o corpo do Papa, quando este desencarnou, para que ele esteja completo quando ressuscitar.
São tantas as similaridades entre a Cultura Egípcia e a Cultura Cristã que fiquei me perguntando:
Qual será o tamanho real da influência egípcia (muito mais antiga) no Cristianismo?
Ressalto mais uma vez: não coloco a existência de Jesus em pauta, apenas questiono se TUDO o que está na Bíblia é genuíno, uma vez que foi escrita por homens que nem mesmo conviveram com o Nazareno.

Você sabia que, quem dividiu os anos a partir do nascimento de Cristo foi o calendário gregoriano, utilizado na maior parte do mundo, mas não na China, Israel, Irão, Índia, Bangladesh, Paquistão, Argélia, etc, e que foi promulgado pelo Papa Gregório XIII a 24 de fevereiro de 1582?
Portanto, a decisão sobre a data de nascimento de Jesus ter sido no dia 25 de dezembro do Ano I (que passou a ser considerado o marco cronológico da divisão dos anos) foi da Igreja Católica Apostólica Romana e essa data não é reconhecida pelos historiadores e estudiosos da vida de Jesus.
Se levarmos tudo isso em questão, talvez possamos melhor entender as diferenças de interpretação do texto bíblico e tenhamos mais tolerância para com a crença alheia, especialmente, para com as crenças não Cristãs.

2 comentários:

  1. Oi Fá!!!!

    Muito interessante esse vídeo.

    Veja esse blog também. É muito legal.

    http://deldebbio.wordpress.com/2009/01/06/pitagoras-e-buda-os-professores-de-jesus/

    ResponderExcluir
  2. Pois, é, "Fá"... Fazendo uma pesquisa sobre essa tema, o dos papas mumificados, encontrei o seu blog. E com muita alegria vi seu comentário sobre o Zeitgeist. Sou membro do movimento e um entusiasta da "curiosice"! E, tenho que lhe dizer que, ao que parece, o "Cristo" realmente não existiu. Ou, se existiu, foi apenas um ser humano comum, um contestador, como os temos tantos na história da nossa espécie humana: Sócrates, Pitágoras, Akhenaton, Leonardo da Vinci, Erasmo de Roterdan... Mas não precisa ficar desnorteada por causa disso. A ética está acima de tudo, inclusive da religião! Há mais vídeos sobre o Zeitgeist no google videos. Qualquer dúvida:

    milton_el@hotmail.com

    Um abraço de Fortaleza!

    ResponderExcluir