28 de dez de 2009

Futebol e Cultura Pop


Inspirada numa idiotice



Amavam-se, apesar das diferenças.
Ela, fanática por futebol.
Ele, fiel seguidor da Cultura Pop.
Aos domingos, ela assistia uma partida de futebol, enquanto ele navegava pelo vasto mundo Pop do Twitter.
Viviam tranquilamente assim.
O casamento era harmônico... até que um dia...
O time do coração dela deixou o campeonato escapar pelo vão dos dedos.
Ficou estressada.
Ele, alheio à batalha campal, lia avidamente uma entrevista "interessantíssima" de Mallu Magalhães.
Ficou empolgado.
- Amor, posso ler a entrevista da Mallu pra você?
- Agora?
- É. Já acabou o jogo.
- Não to com saco para as futilidades dessa menina.
- Mallu não é fútil. Ela tem várias referências. Conhece muitas coisas.
- Eu a acho enfadonha. As letras dela são pobres.
- Pobre é a cultura futebolística.
- Se a cultura pop tivesse a mesma organização do futebol, não estaria fadada a admirar criaturas idiotas como Mallu Magalhães.
- Ela não é idiota.
- Não? Então, idiota é você.
- Idiota é quem fica vendo 22 marmanjos correndo atrás de uma bola.
- Você é tão idiota. 20 correm atrás da bola, dois ficam nos gols.
- Que seja. Mas a Mallu não é idiota.
Uma cadeira virada e uma porta batida colocaram fim à discussão.
Afastaram-se por alguns momentos para que esfriassem a cabeça.
Quando reataram, fizeram o pacto:
- Nunca mais falaremos sobre futebol e cultura pop dentro de casa.
Depois de selado o acordo, o casamento só durou mais três meses.
Todo o amor que sentiam não foi suficiente para vencer o silêncio gerado pela falta de assunto.

2 comentários:

  1. Mallu acha que dando entrevista a nivel de Caetano Veloso ficara boa igual a ele. Se nao for isso ela eh idiota mesmo...

    ResponderExcluir